Avançando como a aurora: 59 anos da Legião de Maria na cidade de Crato

Com Missa votiva à Nossa Senhora, rezada na Sé Catedral, a Legião de Maria celebrou 59 anos de atuação na cidade de Crato, na tarde desta quinta-feira, dia 15 de agosto. A celebração foi presidida pelo cura, Padre José Vicente Pinto, assistida pelo diácono transitório, Francisco José Bezerra.

Na homilia, Padre José Vicente dirigiu palavras de encorajamento e de bênção às legionárias – e aos legionários -, provenientes das paróquias São Miguel, São Francisco, Sagrado Coração de Jesus, Nossa Senhora de Fátima, Nossa Senhora Aparecida, Sé Catedral e Santuário Eucarístico Diocesano. Vestidas – e vestidos – de branco, com o terço na mão, compuseram boa parte da assembleia, rezando e fazendo memória ao dia 15 de agosto de 1960 quando o então cura, Monsenhor Rubens Gondim Lóssio, organizou e implantou o movimento. Hoje, a Legião conta com um Comitium, Estrela da Evangelização, que assiste a nove Curiae de adultos e duas juvenis, além de 28 praesidium de adultos.

A Legião de Maria é um movimento internacional, quase centenário. O fundador era um leigo engajado na Igreja, o irlandês Frank Duff. Presente em mais de 2 mil dioceses, reúne mais de 2, 5 milhões de membros ativos e 30 milhões de auxiliares, em cinco continentes. O trabalho consiste em visitas semanais, oração em comum e reunião, sempre guiado por um manual, espécie de tratado e guia, onde estão contidas normas e orações para a prática do apostolado.

Fonte: Patrícia Mirelly/Diocese de Crato

Faixa atual

Título

Artista

Background