Brasília: os caminhos de Camilo Santana em 2022

Desde de que Camilo Santana visitou Lula na semana passada que as especulações por 2022 tomaram fôlego. Em texto nesta quinta (1), o colunista do Globo, Lauro Jardim, citou o encontro e disse que o ex-presidente estaria “amolecido” com a ideia de trocar o comando do PT, hoje com a senadora Gleise Hoffman.

Camilo foi à Curitiba com Jaques Wagner, senador baiano que ano passado recusou o convite para ser candidato à presidência, sendo substituído por Fernando Haddad.

Ainda é cedo, mas especula-se que a popularidade de Camilo o aproxime de uma candidatura ao Planalto pelo PT, o que poderia passar antes por assumir o comando da sigla. Reeleito com 80%, seria uma estratégia plausível lançá-lo como candidato.

Também em 2022 encerra o mandato de Tasso Jereissati, abrindo uma vaga no Senado para o Ceará. Camilo teria pretensões a ocupá-la.

A liderança nas tratativas com o governo Bolsonaro em questões que envolvem o nordeste também está sendo observada.

Até lá, muito o que acontecer.

Fonte: Felipe Azevedo/Agência Miséria

Faixa atual

Título

Artista

Background