Crajubar proíbe fogueiras e fogos de artifício neste período junino

Os municípios do Crajubar, em decretos publicados esta semana, determinaram a proibição do acendimento de fogueiras e fogos de artifício durante este período junino. A medida, segundo as gestões municipais de Juazeiro do Norte, Crato e Barbalha, visa evitar a utilização de quaisquer materiais que tragam desconforto respiratório às pessoas, visto o período de enfrentamento a pandemia de Covid-19.

Em Juazeiro, mesmo com a regularização da venda através da Feira de Fogos, que segue sendo realizada em formato drive-thru, permanece proibida a utilização destes materiais em espaços públicos e privados, em medida publicada no Diário Oficial desta terça-feira (22).

Crato e Barbalha foram ainda mais rígido, sendo nestes municípios proibida a comercialização de fogos de artifício e materiais para fogueiras, bem como fica proibida a utilização destes. Bares e restaurantes que sirvam bebidas alcoólicas ficam proibidos de funcionar apenas no município cratense, no entretanto, festas e quaisquer eventos que gerem aglomerações ficam proibidos no âmbito do Crajubar.

Nestas cidades, a medida vale até o próximo dia 3 de julho para Crato, até 27 de junho em Barbalha, e enquanto durarem as medidas restritivas no combate a pandemia do novo coronavírus no caso de Juazeiro do Norte.

Fonte: Portal Badalo
Foto: Licia Maia

Faixa atual

Título

Artista

Background