Crato tem maior crescente na média móvel de casos confirmados de Covid-19 no Crajubar

O município do Crato atualmente é o que mais cresceu nos registros da média móvel de casos confirmados do novo coronavírus entre as cidades do Crajubar. Nas últimas 48 horas, o aumento expressivo passou da soma de casos de Barbalha e Juazeiro do Norte juntos. Apenas nas últimas 24 horas, o Crato somou 25 pacientes confirmados com Covid-19. Juazeiro, que concentra a maioria dos casos entre as três cidades, foi a que menos registrou diagnósticos, somando 11 testes positivos nesta quinta-feira (7). Barbalha somou ao todo 18 casos de coronavírus. O número de óbitos permanece dentro da média móvel, passando de 504 na última contagem feita pelo Badalo, para 512 casos.

Juazeiro do Norte concentra a maioria dos casos confirmados, bem como a maior contagem de óbitos. No entanto, não soma mortes desde o último dia 28 de dezembro de 2020, tendo a melhor média móvel de óbitos do Crajubar. O município já realizou mais de 52,7 mil testes, dos quais 186 são casos suspeitos que aguardam os resultados dos exames, 35.959 casos descartados e 16.556 casos confirmados. Entre os pacientes confirmados há 11 hospitalizados, 99 em isolamento domiciliar, 16.122 que já estão recuperados, e 332 óbitos.

Crato foi o município que mais teve aumento no número de casos nos últimos dois dias, totalizando 70 diagnosticados positivos nas últimas 48 horas. A cidade contabiliza nesta quinta (7), mais de 27, 7 mil testados, sendo 8.875 casos confirmados, 18.426 descartados, e 468 aguardam o resultado dos exames. Entre os casos confirmados, 8.587 já estão curados, sendo 02 internados em enfermaria clínica. Os outros 170 estão em tratamento domiciliar. Foram confirmados 116 óbitos até o presente momento no município, tendo aumento de 02 mortes nos últimos dois dias.

Barbalha já realizou 8.885 testes, sendo confirmados 2.752 pacientes diagnosticados com coronavírus e contabilizados em boletim epidemiológico divulgado até esta quinta-feira (7). Foram descartados 4.704 casos, e permanecem suspeitos 1.429 pacientes esperando resultado dos exames. Estão em tratamento domiciliar 38 pacientes, bem como permanecem em tratamento hospitalar 06 pessoas, quatro delas em UTI. Foram 2.644 casos recuperados, e somados até o presente momento 64 óbitos. O município permanece com a melhor média móvel de óbitos pela doença, somando apenas 01 caso em uma semana.

Fonte: Site Badalo

Faixa atual

Título

Artista

Background