Estrangeiros e paraense são presos por envolvimento em furtos em hotéis de Fortaleza

A Polícia Civil prendeu um casal de estrangeiros e um paraense suspeitos de agir em hotéis de Fortaleza praticando furtos contra clientes. Eles foram detidos entre sexta-feira, 28 de junho e a última segunda (1º).

Conforme a delegada Roberta Frota, titular da Delegacia de Proteção ao Turismo (Deprotur), as investigações apontam que os presos costumam atuar no período de alta estação quando os hotéis estão cheios de turistas. “Esses presos frequentemente agem nas férias quando os hotéis estão cheios e os turistas estão desatentos. Eles aproveitam o momento de distração das vítimas e subtraem seus bens”, revelou a delegada.

Na última segunda feira (1º), foram capturados no Bairro Praia do Futuro, a argentina Angelina Yamilet de La Cruz Cerrospi (24) e o uruguaio Marcos Andres Munoz Aguilar (34). A dupla foi presa após investigações desenvolvidas pela delegacia especializada. O casal é suspeito de praticar três furtos em hotéis nos últimos dias na capital cearense.

Eles são moradores da cidade de São Paulo e tinham chegado em Fortaleza, na última semana, para ficar o período de alta estação e cometer os crimes. “Eles estavam começando a praticar os furtos em Fortaleza. Fazia pouco tempo que eles tinham chegado e já começaram a fazer os furtos, porém agimos rápido e conseguimos capturá-los antes deles cometerem mais crimes”, explicou Roberta.

Paraense

No dia 28 de junho, policiais civis prenderam no Bairro Pirambu, o paraense de Ananindeua, Carlos José Queiroz da Costa, de 55 anos, que estava com três mandados de prisão em aberto dos estados do Pará, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte, todos pelos crimes de furto. Carlos José é investigado em 18 inquéritos policiais que tramitam na Deprotur.

Os policiais militares chegaram até o suspeito após troca de informações com policiais civis da especializada que o investigavam. “Carlos José é bastante experiente nesse tipo de crime. Ele tanto furta hóspedes durante o café da manhã, enquanto as vítimas estão distraídas, como também consegue entrar nos hotéis se passando por cliente e arromba as portas dos quartos, levando os bens das vítimas”, revelou Roberta.

Ainda segundo a delegada, um dos crimes mais recentes cometido por Carlos, trata-se do furto ocorrido em um hotel no bairro Meireles no dia 15 de junho. Na ocasião, pai e filha vieram a Fortaleza para que a jovem prestasse vestibular para medicina. Conforme o registro da vítima, ele saiu com a filha para fazer um passeio e, ao retornar, encontraram o quarto do hotel aberto e os objetos revirados. Foram levadas roupas, acessórios de cosméticos, óculos de grau e uma mochila da estudante. Também foi subtraído o cofre que estava no quarto.

Os três foram conduzidos para a Delegacia de Proteção ao Turismo (Deprotur), onde vão responder por furto e estão à disposição da Justiça.

Fonte: Diário do Nordeste

Faixa atual

Título

Artista

Background