Exposição de Espedito Seleiro atrai centenas de pessoas na estreia, em Fortaleza

Exposição “Espedito Seleiro – 80 anos de couro e alma” é lançada no Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará (UFC), na noite desta terça-feira (13). A mostra foi idealizada pelos estudantes do curso de Design, sob a supervisão da Profª Tânia Vasconcelos, coordenadora do projeto de extensão “Espedito Seleiro: 80 Anos”.

A exposição comemora os 80 anos de vida do artesão cearense. Nascido em Arneiroz, no Sertão do Inhamuns, Espedito Seleiro aprendeu a transformar o couro em peças utilitárias ainda na infância. A vocação veio do pai, vaqueiro e seleiro. O tempo de ofício levou o artesão a adquirir uma estética própria, a coloração com tingimentos naturais marcam sua assinatura.

Além das tradicionais sandálias e bolsas de couro decoradas, o artista expandiu sua atuação para a moda, em parceria com o estilista Ronaldo Fraga, em coleção apresentada no São Paulo Fashion Week. No design, Espedito decorou peças de mobiliário criadas pelos irmãos e designers Fernando e Humberto Campana para coleção inspirada no cangaço.

Espedito se emociona em perceber o quão reconhecido é o seu trabalho. “Uma pessoa que nem eu, que comecei lá no Sertão dos Inhamuns onde só tinha onça e boi bravo, hoje vejo meu trabalho na Capital, dentro de um colégio. Eu só tenho de agradecer a Deus e ao pessoal que deu valor ao meu trabalho”, declarou durante o lançamento da exposição.

O MAUC está localizado na Avenida da Universidade, 2854, no Benfica e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. A entrada é gratuita.

Fonte: Agência Miséria

Faixa atual

Título

Artista

Background