Fotógrafo sofre traumatismo craniano ao cair durante rapel, em Quixadá

Written by on 10 jun de 2019

Um praticante de rapel ficou gravemente ferido após cair de uma rocha ao tentar escalá-la. O acidente aconteceu na manhã deste domingo (09), no Complexo Euripedes, em Quixadá. Ao cair, Francisco Ednardo, de 66 anos, teria batido a cabeça em uma pedra.

A vítima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e, devido à gravidade das lesões, transferido ao Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza.

De acordo com a unidade hospitalar, Ednardo, que trabalha como fotógrafo, deu entrada com Traumatismo Craniano Encefálico e pressão baixa. Ele será submetido a exames de tomografia. O estado de saúde de Francisco Ednardo é considerado grave.

De acordo com José Gildo, que também estava escalando na hora do acidente, Ednardo teria caído ao tentar realizar “um processo de conquistas de via”. Esse procedimento é realizado por praticantes experientes. Eles abrem novos caminhos para serem escalados posteriormente.

Ainda segundo Gildo, a vítima não estava distante do solo. “Ele caiu de uma altura aproximada de dois metros”.

Fonte: Diário do Nordeste


Current track

Title

Artist

Background