Juazeiro reintegra posse da Estação RFFSA e promete transformação em Centro Cultural

Homens da Guarda Metropolitana e agentes da Secretaria de Cultura de Juazeiro do Norte realizaram ontem, 5, desocupação e reintegração de posse Estação Ferroviária, localizado na Praça da RFFSA, no bairro Franciscanos.

Abandonado por vários anos, o prédio histórico de 1926 se tornou alvo de ocupação irregular. No local funcionava uma espécie de depósito e oficina irregular.

O próximo passo, segundo a Secretaria de Cultura, é a recuperação da estrutura física da antiga Estação de Trem para implementação do projeto Centro Cultural e Museu do Trem, lançado ainda no início de 2018.

O prédio possui três salões que serão totalmente restaurados. Um deles abrigará uma exposição permanente sobre a história da estação de trem de Juazeiro do Norte, que foi inaugurada pelo Padre Cícero Romão Batista.

No segundo salão, haverá outra exposição permanente que contará a história da linha férrea no Ceará e como sua chegada proporcionou uma alavancada no desenvolvimento do Estado. Já o terceiro salão receberá exposições temporárias que poderão ser propostas por artistas juazeirenses ou de outros lugares.

De acordo com o Secretário de Cultura de Juazeiro do Norte, Renato Fernandes, a antiga estação será um espaço de convivência que comportará uma nova ambientação, onde serão realizadas oficinas e ensaios, além da instalação de cafés.

Ele ressalta ainda que o local receberá também o segundo ponto de memória do Município, contribuindo, assim, para a preservação da história de Juazeiro do Norte.

Fonte: Alana Soares/Agência Miséria

Faixa atual

Título

Artista

Background