Passagem de transporte coletivo em Crato sobe para R$ 3; Prefeitura afirma irregularidade

Moradores de Crato ficaram surpresos quando desde esta terça-feira (9), o transporte coletivo municipal sofreu aumento tarifário de R$ 0,50, passando a custar R$ 3. Segundo populares, a taxa não foi previamente comunicada para os passageiros, e muito menos liberada pelos órgãos regulares para ser praticada. No entanto, cartazes em alguns dos ônibus e topiques que se deslocam do centro em direção a localidades como os bairros Granejeiro e Lameiro, estão expostos com o novo valor das passagens.

Em nota, a Prefeitura do Crato, através da Secretaria de Segurança Pública, disse que “estão sendo debatidos os processos de organização sistema de transportes, para somente depois ser deliberada a questão das tarifas a serem praticadas no município”. Segundo o órgão, não há autorização para aumento das passagens, e caso esteja ocorrendo de forma arbitrária, serão tomadas as medidas cabíveis que poderão levar à suspensão da permissão de quem agir de forma a descumprir as normas do sistema.

A secretaria ainda informou a reportagem que esteve nos locais onde ficam estacionados os veículos, e consequentemente sendo ponto de partida destes para as diversas localidades da cidade, para efetivar o cumprimento das normas. Recentemente o município esteve fazendo o cadastro para regulação de todos os transportes coletivos que circulam pelo Crato, e uma das principais reivindicações das cooperativas seria o aumento no valor da passagem, visto a alta no preço dos combustíveis. A única empresa autorizada a praticar o valor, visto operar rotas intermunicipais da cidade para Juazeiro do Norte, é a Viametro Cariri, que já pratica as passagens no valor de R$ 3, autorizadas pelos órgãos reguladores do Estado e dos municípios.

Fonte: Portal Badalo
Foto: Itallo Rodrigues

Faixa atual

Título

Artista

Background