Tiros na cabeça mataram “Paulistinha” no João Cabral em Juazeiro

Um homicídio foi registrado por volta das 15 horas desta terça-feira no bairro João Cabral em Juazeiro do Norte. O jovem Weslley Agostinho de Santana, de 24 anos, era apelidado por “Paulistinha” e residia naquele bairro. Ele passava pela Vila José Apolinário quando foi atocaiado e baleado várias vezes na cabeça por dois homens que se aproximaram à pé e testemunhas disseram à polícia que um deles seria a pessoa apelidada por “Tiago Cavanhaque”.

A vítima terminou socorrida às pressas por populares e em estado grave ao Hospital Regional do Cariri (HRC), mas faleceu cerca de duas horas e meia após. O mesmo já esteve preso e conquistou liberdade recentemente. Em dezembro de 2017 Paulistinha praticou assalto contra uma garota em Juazeiro quando foi indiciado juntamente com o seu irmão Wilson. Antes, em junho, foi vítima de um acidente com moto em Missão Velha.

Este foi o quarto homicídio do mês de maio em Juazeiro e o 39º do ano no município ou 42,85% em relação aos 91 assassinatos registrados no decorrer do ano passado. Os outros três e todos à bala aconteceram na manhã do último domingo, sendo que Cícero Anderson Lima dos Santos, de 18, e Antonio Ronyel Bezerra Justino, de 28 anos, o “Roni” morreram no HRC. O jovem morto a tiros no Santa Tereza continua sem identificação na Perícia Forense de Juazeiro.

Fonte: Demontier Tenório/Agência Miséria

Faixa atual

Título

Artista

Background